Conheci um lugar bem bacana. Bacana, por vários motivos. Motivo número um: lá se toma vinho. Mesmo não sendo a conhecedora, começo a apreciar aos poucos, e cada vez mais. Dois: o elegante espaço, ao mesmo tempo, é acolhedor (já escolhi ali meu cantinho preferido). Três: me parece que quem ali trabalha soube bem definir seus conceitos. Poderia eu dizer que.. Eles tenham aberto um lugar assim pois “gostam do que fazem”? Talvez? Pois foi essa imagem que me passou. Quatro: vinhos diferentes e não tão conhecidos permitem a alguns clientes a explorarem. Sabem o que encontrei vendendo por ali, por acaso? Ice wine! Hummmmm da última vez que trouxe esse tipo de vinho de uma viagem, não pude nem sentir o cheiro da bebida para relembrar. Sumiram com ele!

 image-7
image-8
Ainda parecem estar meio tímidos em relação aos pratos, mas não tenho visto desvantagens quanto a isso. Até onde provei, gostei bastante! Os bolinhos dourados de risoto de rabada ou mix de cogumelos (R$ 32,00) vieram tão sequinhos por fora, totalmente opostos por dentro, que não sei bem se a foto vai dar a entender.
image image-2
Chorizo bonsmara (R$ 51,00), com batatas rústicas e molho de shiitake com alho negro veio com a carne no ponto bom, talvez só um pouco mais passado do que eu havia pedido. Mesmo assim, estava saborosa.
image-4
Risoto de paella de frutos do mar (R$ 58,00). Bonito né? Foi a pedida de dois amigos meus. Eles gostaram bastante! Minha opinião? Sinceramente, eu não me lembro bem a ponto de definir, mas não tive recusa nenhuma.
image-3
O tiramisú (R$ 25,00) com cookies de café, sorvete de mascarpone e um tipo de mousse de chocolate não foi tão atraente. Mais que um cookie, talvez um tipo de brownie, mais macio, entraria melhor; achei a base um tanto dura e seca.
image-5
De vinho, pedi pelo argentino Dolium Rosé  Malbec da outra vez, um rosé frutado, bem mais encorpado e forte dentre os que já provei. Gosto da suavidade e da doçura mínima de um vinho rosé. As pessoas poderiam deixar de dar menos atenção à ele, não?

Ah! Retomando ao começo desse post, lembrei que ainda tem o quinto motivo. Quinto: a boa companhia conta. 🙂

Não vejo a hora de provar mais..

Esther .
BODEGA FRANCA
Endereco: Alameda Franca, 1045 – Jardim Paulista, São Paulo
Telefone: 113081-3870
Anúncios